PERGUNTAS MAIS FREQUENTES

O que é compensação de Bússola Magnética?

É a operação que tem por fim anular ou reduzir, a valores muitos pequenos, os Desvios da Agulha Magnética com relação ao Norte Magnético esperado em sua determinada área.

Como é feita a compensação?

Com a embarcação em movimento e basicamente consiste em aproar a embarcação aos Rumos Magnéticos usualmente defasados de 45 graus e fazendo por meio dos corretores, com que a Agulha Magnética indique os rumos, ficando sem Desvios ou apresentando valores de Desvios menores ou igual a 3 graus.

Quem realiza a compensação da Bússola Magnética?

O Perito em Compensação de Agulhas Magnéticas é o profissional habilitado pela Diretoria de Hidrografia e Navegação para realizar o serviço, cuja atividade é fiscalizada pela Diretoria de Portos e Costas que o credencia conforme a norma NORMAM-14/DPC (Norma da Autoridade Marítima para Cadastramento de Empresas de Navegação, Peritos e Sociedades Classificadoras).

 Como certificar a compensação da Bússola Magnética?

Após a realização do serviço de compensação de Agulha Magnética, o perito emitirá o Certificado de Compensação de Agulha Magnética em três vias (1ª via Navio, 2ª via Capitânia e 3ª via Perito) no qual deverá constar o nome completo e assinatura do perito e do comandante do navio onde houve a compensação.

 Quando deve-se fazer a compensação da Bússola Magnética?

A compensação da agulha magnética deve ser realizada quando ocorrer:

a) grandes reparos ou alterações na estrutura do navio;

b) instalação ou alterações de instrumentos elétricos ou de ferro nas imediações da agulha;

c) transporte de carga de natureza magnética;

d) após o navio ter sido rebocado;

e) prolongada permanência na mesma proa (longo tempo atracado em um mesmo cais);

f) sempre que seus desvios excederem a 3 graus;

g) quando expirar a validade da Certificação; e

h) por orientação da Autoridade Marítima.

 O receptor GPS a bordo substitui o emprego da Bússola Magnética?

Não. O receptor GPS é um equipamento eletrônicos, logo necessita de uma fonte de alimentação para o seu funcionamento e a Agulha Magnética é independente de qualquer suprimento de energia, funcionando apenas com o magnetismo do planeta Terra, ainda, a Agulha Magnética indica o azimute em tempo real, já o Receptor GPS não. Isto porque este indica o rumo em função da posição que o navio se encontrava anteriormente e sempre estará atrasado com a proa real. Por isto que a Agulha Magnética é um instrumento fundamental para determinar o risco de colisão, identificando a marcação de uma embarcação em aproximação conforme a regra 7 da COLREG-72/IMO (Convenção sobre o Regulamento Internacional Para Evitar Abalroamentos no Mar, 1972).

 Quais os requisitos para Dotação e Certificação da Bússola Magnética?

De acordo com a classificação da Embarcação, os requisitos para Dotação e Certificação das Agulhas Magnéticas são alcançados pelas seguintes recomendações, exigências e regras:

a)      SOLAS-74/IMO (Convenção Internacional para Salvaguarda da Vida Humana no Mar), artigo 2.1, da Regra 19, do Capítulo V, cita que: Todos os navios, independente do seu porte, deverão ter: 1. Uma agulha magnética adequadamente compensada, ou outro meio, que seja independente de qualquer suprimento de energia, para determinar a proa do navio e apresentar a indicação no rumo do local em que se encontra o sistema de governo principal;

b)      NORMAM-01/DPC (Norma da Autoridade Marítima para Embarcações Empregadas na Navegação de Mar Aberto) ratifica a convenção SOLAS ao citar, no item a) do artigo 0417, que a dotação de equipamentos de navegação para as Embarcações SOLAS é a prevista no Capítulo V da Convenção SOLAS/74 e suas emendas, conforme a data de batimento de quilha de cada embarcação. Ainda no item b) do artigo, ao listar a dotação para as demais embarcações, cita no item 1) Agulha magnética de governo onde determina que todas as embarcações tripuladas deverão estar equipadas com uma agulha magnética de governo, que deverá estar devidamente compensada (certificado válido por 01 ano) e sua tabela ou curva de desvios disponível a bordo. No artigo 0423 da referida norma, ao lista os documentos que todas as embarcações deverão portar, quando aplicáveis, cita no item f) o Certificado de Compensação de Agulha/Curva de Desvio como exigência;

c)      NORMAM-02/DPC (Norma da Autoridade Marítima para Embarcações Empregadas na Navegação Interior), no artigo 0402, no item 1) cita que as embarcações empregadas na navegação interior com AB maior ou igual a 500 deverão dispor a bordo Agulha Giroscópica ou Agulha Magnética, com certificado de compensação;

d)     NORMAM-03/DPC (Norma da Autoridade Marítima para Embarcações de Esporte e/ou Recreio), no artigo 0419, na alínea a) item 1), que todas as embarcações devem empregar na dotação mínima de equipamentos de navegação, independentemente da área onde estiver navegando uma agulha magnética de governo. No entanto esta exigência é para “todas as embarcações, exceto as miúdas”, e ainda estabelece que “as embarcações com comprimento igual ou maior que 24 metros deverão possuir, também, certificado de compensação ou curva de desvio, atualizados a cada 2 anos”.

e)      NORMAM-28/DHN (Norma da Autoridade Marítima para navegação e cartas náuticas) no capítulo 2, sobre a dotação de equipamentos, sistemas e publicações de navegação, logo na seção I da publicação, ao estabelecer a “dotação de equipamentos e sistemas de navegação” recomenda, por classificação das embarcações, o material necessário à segurança da navegação que aqui fazemos um extrato resumido. Por exemplo, no subitem 0201.1, referente a todas as embarcações [SOLAS] que independente de seu porte, cita na alínea d que deverão dotar uma agulha magnética adequadamente compensada, ou outro meio, que seja independente de qualquer suprimento de energia, para determinar a proa do navio e apresentar a indicação do rumo no local em que se encontra o sistema de governo principal. No subitem 0201.2, sobre as embarcações com AB igual ou superior a 150 e todas as embarcações de passageiros, independente do seu porte, que além das exigências do subitem 0201.1, deverão dotar: a) uma agulha magnética de reserva, que seja intercambiável com a agulha magnética mencionada na alínea d do subitem 0201.1, ou outro meio para desempenhar as funções mencionadas [no subitem 0201.1], por meio da substituição ou da duplicação do equipamento. No item 0202, referente as embarcações não SOLAS, autopropulsadas, com fim comercial, empregadas em mar aberto, no subitem 0202.1, prescreve que todas as embarcações [não SOLAS] empregadas em mar aberto, deverão dotar-se de: agulha magnética de governo. Aqui esclarece que todas as embarcações tripuladas deverão estar equipadas com uma agulha magnética de governo, que deverá estar devidamente compensada (certificado válido por 01 ano) acompanhada de sua tabela ou curva de desvios disponível a bordo. Esta exigência é estendidas, ainda, aos: subitem 0202.2 referente a embarcações com AB superior a 100; subitem 0202.3 referente as embarcações de passageiros com AB superior a 300; subitem 0202.4 referente as embarcações tripuladas com AB superior a 500; item 0203 referente as embarcações empregadas na atividade de pesca com AB superior a 500. No subitem 0204.2 referente as embarcações com AB igual ou superior a 500 [empregadas em navegação interior] faculta agulha giroscópica ou agulha magnética, porem com certificado de compensação acompanhada de tabela ou curva de desvio. Já no item 0205, embarcações de esporte ou recreio e atividades correlatas, declara no subitem 0205.1, que as embarcações de médio porte deverão dotar agulha magnética de governo. Neste caso, que todas as embarcações, exceto as miúdas, deverão estar equipadas com agulha magnética de governo. As embarcações com comprimento igual ou maior que 24 metros deverão possuir, também, certificado de compensação ou curva de desvio atualizado a cada 2 anos. A publicação orienta ainda que usuários deverão possuir, em local acessível e apropriado, marcados com o nome da embarcação, dentre as publicações listadas, o Certificado de Compensação de Agulha/Curva de Desvio, e neste sentido é citado nos itens 0211, 0212, 0213 e 0214 da NORMAM-28.

A Agulha Magnética das embarcações salva-vidas (Baleeiras) das Plataformas (Fixas ou Flutuantes), também precisam ter o Certificado de Compensação de Agulha/Curva de Desvio?

As Agulhas Magnéticas instaladas nas embarcações Baleeiras estão dispensadas de possuir o Certificado/Curva de desvio. Não é necessário fazer o serviço de compensação nestas embarcações, porque não é uma exigência da Autoridade Marítima brasileira. No Anexo 9-E da NORMAM-01/DPC, referente às Plataformas Fixas Habitadas, por exemplo, relaciona uma Lista de Verificação para Perícia de Conformidade onde no item V) Setor de Salvatagem, na pergunta de verificação número 83) cita: “A bússola das embarcações salva-vidas possui iluminação e encontra-se sem bolhas de ar?” Portanto, prescreve às embarcações Salva-vidas [Baleeiras] das Plataformas Fixas apenas a exigência de possuir uma bússola que possui iluminação e sem bolha de ar, não exigindo assim a aferição da curva de desvio. Atenção, a bolha de ar na cuba de uma bússola é o sinal que esta bússola está inoperante.

Qual a validade do Certificado de Compensação da Bússola Magnética?

a) Embarcação empregadas navegação mar aberto, validade de 1 ano (NORMAM-01);

b) Embarcação interior AB maior ou igual a 500, validade de 1 ano (NORMAM-02); e

c) Embarcação esporte e recreio, igual ou maior que 24 metros, validade de 2 anos (NORMAM-03).

Qual o custo do serviço de compensação da bússola?

O custo para ajustar e certificar a bússola magnética depende, principalmente, do tipo de navio e da sua localização. Consulte-nos!

Qual a Duração do serviço?

O tempo para avaliar e realizar a operação de compensação da agulha magnética, geralmente, é uma hora. Mas dependendo do tipo de navio e das condições do mar, este tempo pode exceder.

Agulha Magnética exposta ao sol fica desmagnetizada?

Sim. Longo período de exposição direta à radiação solar vai desmagnetizar a Agulha, pois a temperatura interna vai aumentar e fazer os átomos do material magnético ficarem desordenados, sem direção e perdendo, de forma gradativa, o seu magnetismo e assim a Agulha não indicará mais o Norte. Portanto, mantenha a capuchana fechada, pois evitará a incidência direta da luz solar, aumentando assim a vida útil da Agulha Magnética.


                        

© Todos os direitos reservados.